Cuidados com as baterias e o risco de explosão

 

Nas últimas semanas estamos vendo muitos casos de explosões e incêndios em aparelhos de celular quando estavam em processo de recarga e o motivo em todos eles é a Bateria.

O problema está nas baterias lítio-íon. O elemento químico lítio é um metal que, em contato com água ou oxigênio (por exemplo do ar), inicia um processo de combustão espontânea extremamente violento. Outro fator que pode desencadear esta explosão é a alta temperatura por isto as baterias devem sempre serem mantidas em uma faixa de temperatura pré-definida pela fabricante.

Dentro de cada bateria de Smartphone existe um circuito eletrônico, chamado BMS (Battery Managment System) ou PCM (Protection Circuit Module) que é responsável por manter essa temperatura estável.

E como como avaliar a saúde e a vida útil da bateria do seu celular?

A primeira ação é a inspeção visual da bateria. Qualquer sinal de inchaço, bolhas, deformações, marcas de vazamento, corrosão nos terminais metálicos, manchas brancas ou esverdeadas são fortes indícios de que a bateria já está fora das condições de ser utilizada e deve ser substituída imediatamente.

Outra questão importante a ser observada é a autonomia da bateria. Não é normal, por exemplo, que depois de uma carga completa em poucos minutos ela vá de 100 para 70% ou caia repentinamente de 70 para 40%. Isto também indica que a bateria já chegou no fim de sua vida útil.

O número de ciclos de carga/descarga que uma bateria passou também é um bom indicador da vida útil. Esta informação não é tão fácil de encontrar em qualquer aparelho. Nos dispositivos Android existe o aplicativo “Battery, da MacroPinch”. Além de indicar o nível da bateria, o app traz a temperatura, a voltagem e o seu estado geral. No caso do iPhone uma alternativa é o iBackupBot. Com o aplicativo aberto, assim que você conecta seu iPad ou iPhone ao computador uma série de informações são exibidas sobre o aparelho. Em “Mais informações”, você encontra detalhes sobre a bateria. Quando o número de ciclos de carga/descarga for acima de 1000 é hora de trocar de bateria.

Lembre-se de não descartar as baterias velhas no lixo comum. Lojas de Smartphones e acessórios de informática normalmente possuem áreas para o descarte correto destes produtos.

Gilberto Sudré

Gilberto Sudre

Professor e Pesquisador da FAESA – Centro Universitário e IFES - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do ES. Coordenador do Laboratório de Pesquisa em Segurança da Informação e Perícia Computacional Forense - LABSEG. Perito e Assistente Técnico em Computação Forense. Instrutor da Academia de Polícia do ES na área de Computação Forense. Membro da Sociedade Brasileira de Ciências Forenses. Membro da HTCIA - High Technology Crime Investigation Association. Liderança do Singularity University - Vitória Chapter. Membro fundador do DC5527, grupo local da Conferência Internacional de Segurança da Informação DEF CON. Articulista do Jornal A Gazeta. Autor do Blog Conexão Digital. Comentarista de Tecnologia da Rádio CBN e TV Gazeta. Autor dos livros Antenado na Tecnologia e Redes de Computadores e co-autor dos livros Internet: O encontro de 2 Mundos, Segurança da Informação: Como se proteger no mundo Digital, Marco Civil da Internet, Processo Judicial Eletrônico e Tratado de Computação Forense.

Website: http://gilberto.sudre.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.