E-mail corporativo: use com moderação

Mesmo com o crescimento no uso das redes sociais e das mensagens instantâneas o e-mail ainda é a ferramenta de comunicação por texto mais utilizada no ambiente corporativo.

As mensagens enviadas por você podem falar muito mais sobre sua personalidade do que as informações contidas no texto do e-mail. Por exemplo, vocabulário, estilo de escrita, o agradecimento e forma de uso da ferramenta também são avaliados.

Sendo assim vamos conhecer algumas sugestões de como ter uma boa convivência com as mensagens eletrônicas.

Use o e-mail corporativo apenas para trabalho e se você tem dúvidas do que deve ou não ser tratado nesta forma de comunicação é só fazer a pergunta: a mensagem a ser enviada tem conteúdo que pode ser lido pelo seu chefe? Se a resposta for não, então a mensagem deve ir através do e-mail pessoal.

Não utilize o e-mail corporativo para o envio de críticas ou fofocas. Já existem diversos casos no Brasil onde a má utilização do e-mail no trabalho resultou em demissão do colaborador.

As agendas estão cada vez mais apertadas e o dia aparentemente cada vez mais curto então vá direto ao ponto. A sugestão parece fácil, mas nem sempre é simples explicar uma questão complexa a um cliente ou outro colega. Nestas horas talvez uma ligação telefônica seja a forma mais indicada de comunicação.

As abreviações como vc, abcs e bjs estão definitivamente proibidas neste tipo de e-mail. Deixe esta forma de escrita para as mensagens instantâneas. Se existe um nível de intimidade com o destinatário pode-se até utilizar abraços ao final do texto.

Os erros de português podem fazer um verdadeiro estrago na sua imagem assim sempre utilize um dicionário e releia a mensagem antes de enviá-la. Isto permite identificar erros de concordância ou faltas de virgulas que não são avaliados pelo dicionário. Gírias e palavrões nem pensar. Simplesmente não arrisque.

O botão “enviar” também pode ser um problema quando usado inadvertidamente antes da mensagem estar pronta ou para um destinatário incorreto. A dica aqui é só preencher o campo de destinatário quando a mensagem estiver certa, assim caso você clique antes do tempo no botão de enviar nada irá acontecer.

O e-mail corporativo é uma excelente ferramenta de comunicação só precisa ser utilizada com moderação.

Gilberto Sudré

Gilberto Sudre

Professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do ES - IFES. Consultor e Pesquisador nas áreas de Segurança Digital e Computação Forense. Coordenador do Laboratório de Segurança Digital e Perícia Computacional Forense – LABSEG. Integrante do Comitê de Tecnologia da OAB-ES. Instrutor na disciplina de Perícia Computacional Forense da Academia de Polícia Civil do ES – ACADEPOL. Instrutor da Academia de Computação Forense Livre. Membro do comitê técnico CB21/CE27 da ABNT sobre Segurança da Informação. Membro do Grupo de Pesquisa – Justiça e Direito Eletrônicos – GEDEL. Comentarista de Tecnologia da Rádio CBN, TV Gazeta. Articulista do Jornal A Gazeta, Revista ES Brasil e Portal iMasters. Autor dos livros Antenado na Tecnologia e Redes de Computadores e co-autor dos livros Internet: O encontro de 2 Mundos, Segurança da Informação: Como se proteger no mundo Digital, Marco Civil da Internet e Processo Judicial Eletrônico.

Website: http://gilberto.sudre.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge