Ir a Escola sem sair de Casa

As férias escolares acabaram. Enquanto a maioria dos estudantes ainda se desloca até as escolas um número cada vez maior de alunos faz isto sem sair de casa. É o ensino à distância, onde nem o aluno e nem professor precisam estar presentes na sala de aula.

O precursor desta modalidade de ensino foi o IUB – Instituto Universal Brasileiro com seus cursos de eletrônica e apostilas enviadas pelo correio. Naquela época a Internet ainda não tinha saído da cabeça dos cientistas e a interatividade entre aluno e professor ocorria via correio tradicional e, em alguns momentos, por telefone.

A Internet e principalmente a popularização do acesso em banda larga mudou muita coisa. As oportunidades de comunicação entre os estudantes e professores aumentaram exponencialmente e isto exigiu mudanças nestes dois personagens. No caso dos alunos, maior disciplina e organização. Para os professores, além de precisarem conhecer as novas ferramentas de ensino, assumem cada vez mais o papel de facilitadores para o processo de aprendizagem dos estudantes.

Este artigo, entretanto, não é sobre educação e sim tecnologia. Assim, vamos a alguns ambientes de ensino à distância ou Course Management System (CMS) desenvolvidos para auxiliar professores e alunos.

Estes ambientes já incluem toda a administração de senhas e alunos (perfis, fotos, etc), controle de atividades e agendas, fóruns de discussão, chats, painéis de recados, pesquisas, provas e testes. Uma mão na roda para quem pretende colocar um curso on line no ar.

Uma ferramenta muito utilizada é o Moodle (http://moodle.org/). Este aplicativo dispõe de todos os recursos citados e está disponível como Software Livre. Já está traduzido para o português e oferece bastante documentação para o professor, para o administrador e também para quem deseja modificar o sistema.

Se você ficou curioso sobre como é administrar o ambiente vá ao site http://demo.moodle.net/ e veja como estas tarefas podem ser feitas. No próprio site do Moodle você vai encontrar um curso que ensina como utilizar os recursos disponíveis.

Quem sabe no próximo semestre não é você que vai começar as aulas em casa?

Gilberto Sudré

Gilberto Sudre

Perito e Assistente Técnico em Computação Forense. Professor do IFES e coordenador do Laboratório de Pesquisa em Segurança da Informação e Perícia Computacional Forense.. Coordenador do Cisco Academy Support Center Ifes-ASC. Instrutor da Academia Cisco. Instrutor da Academia de Polícia do ES na área de Computação Forense. Professor da EMERJ - Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro no Curso de Aperfeiçoamento de Magistrados – Cibercrimes. Membro da Sociedade Brasileira de Ciências Forenses. Membro da HTCIA - High Technology Crime Investigation Association. Membro do Comitê Técnico CB21/CE27 - Tecnologia da Informação – Técnicas de Segurança da ABNT (Associação Brasileira de Normas técnicas). Membro fundador do DC5527, grupo local da Conferência Internacional de Segurança da Informação DEF CON. Comentarista de Tecnologia da CBN e TV Gazeta. Autor dos livros Antenado na Tecnologia e Redes de Computadores e co-autor dos livros Internet: O encontro de 2 Mundos, Segurança da Informação: Como se proteger no mundo Digital, Marco Civil da Internet, Processo Judicial Eletrônico e Tratado de Computação Forense.

Website: http://gilberto.sudre.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge