Recarga de Celulares (e outros) sem fio

 

Os Celulares são uma mão na roda tanto para o acesso a Internet quanto para o registro de fotos e mais raramente conversas telefônicas mas o que todos devem concordar é que o problema atual destes símbolos da tecnologia moderna é a autonomia das baterias e sua recarga.

Quem já não precisou de levar um carregador na bolsa ou mesmo aqueles bancos de bateria extra para não ficar desconectado com o mundo por falta de energia? Nestas duas opções os aparelhos são alimentados por intermédio de cabos. Pois agora parece que estamos diante de uma nova forma de recarga das baterias. É a chamada recarga sem fio (wireless) ou recarga indutiva.

Os novos aparelhos, principalmente os topo de linha, de fabricantes como Samsung e Apple já dispõe deste recurso que permite que a recarga da bateria ocorra simplesmente apoiando o Smartphopne sobre um dispositivo chamado de “Pods” (este sim conectado a tomada na parede). Assim a transferência de energia e recarga do aparelho acontece sem cabos.

Dentre os vários padrões existentes de recarga indutiva a Qi é a mais utilizada, tanto pelos aparelhos da Samsung quanto da Apple. Como os dois fabricantes adotaram o mesmo padrão isto deve impulsionar o mercado de carregadores sem fio.

Além de não precisar de fios uma outra grande vantagem desta tecnologia é o surgimento de locais de recargas nada convencionais como por exemplo móveis e mesas para mobiliário doméstico. Vários fabricantes já incluíram em seus catálogos mesas, balcões e criados mudos dotados com este recurso em sua superfície, assim bastaria você colocar seu celular sobre um destes móveis que ele já estaria recarregando a bateria.

Mas as opções de recarga sem fio não param por ai, o segmento automotivo também adotou a recarga sem fio em nichos dentro dos veículos e grandes marcas como McDonald’s, Starbucks, Marriott, Ibis e outras já possuem superfícies com recarregadores indutivos embutido em balcões e mesas. Neste caso durante seu lanche ou café basta deixar o celular sobre a mesa para dar uma força na bateria. Vários aeroportos pelo mundo também oferecem balcões com recargas sem fio.

A pergunta que várias pessoas fazem é: este tipo de recarga frequente e muitas vezes mesmo com a bateria em 100% de carga é prejudicial para o Smartphone?

Os sistemas de gerenciamento de recarga sofisticados que temos atualmente evitam que um Smartphone continue recarregando continuamente por meio do uso de um algoritmo sofisticado que equilibra o quanto o aparelho vai durar hoje vs o quanto a bateria vai durar.

Gilberto Sudré

Atualização: Recentemente a BMW divulgou seu projeto de POD para recarregar seus carros elétricos também sem fio. Como se pode ver a tecnologia de recarga wireless veio mesmo para ficar.

Gilberto Sudre

Professor e Pesquisador da FAESA – Centro Universitário e IFES - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do ES. Coordenador do Laboratório de Pesquisa em Segurança da Informação e Perícia Computacional Forense - LABSEG. Perito e Assistente Técnico em Computação Forense. Instrutor da Academia de Polícia do ES na área de Computação Forense. Membro da Sociedade Brasileira de Ciências Forenses. Membro da HTCIA - High Technology Crime Investigation Association. Liderança do Singularity University - Vitória Chapter. Membro fundador do DC5527, grupo local da Conferência Internacional de Segurança da Informação DEF CON. Articulista do Jornal A Gazeta. Autor do Blog Conexão Digital. Comentarista de Tecnologia da Rádio CBN e TV Gazeta. Autor dos livros Antenado na Tecnologia e Redes de Computadores e co-autor dos livros Internet: O encontro de 2 Mundos, Segurança da Informação: Como se proteger no mundo Digital, Marco Civil da Internet, Processo Judicial Eletrônico e Tratado de Computação Forense.

Website: http://gilberto.sudre.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.